Blogue da turma B, do quarto ano, da Escola Básica de Santa Luzia, em Guimarães
Quarta-feira, 07 de Outubro de 2009

Hoje assinala-se o Dia Nacional dos Castelos.

Tendo Guimarães um dos castelos mais importantes do país, senão o mais importante, não poderíamos deixar passar a data em claro.

Aqui fica um pouco da sua história e a fotografia da maquete de um Castelo que fizemos na aula de hoje.

 

"O castelo de Guimarães foi mandado construir pela condessa Mumadona Dias, no séc. X.
Mais tarde, o conde D. Henrique e a sua mulher D Teresa foram viver para Guimarães e iniciaram-se grandes obras no castelo, aumentando-o e tornando-o uma verdadeira fortaleza.
Foi aqui, neste castelo que cresceu o primeiro rei de Portugal, D. Afonso Henriques.
Aos 14 anos, D. Afonso Henriques tornou-se cavaleiro.
Em 1128 lutou contra a sua mãe e os seus apoiantes na Batalha de S. Mamede, saindo vencedor.
Assumiu então o governo do Condado portucalense.
Continuou a lutar para formar um país e, em 1179, foi reconhecido como rei de Portugal.
Como tudo começou em Guimarães (capital do Condado Portucalense), diz-se que esta é a cidade berço da nacionalidade portuguesa".
publicado por Paula às 19:46

Olá a todos.
O Gonçalo chegou a casa todo empolgado a falar sobre o Castelo de Guimarães e sobre D. Afonso Henriques.
Será que não era boa ideia irem aos locais que falaram e conhecerem?! Aqui fica a sugestão.
Beijinhos e bom trabalho.

Sofia Macedo
Mãe Gonçalo Costa
sofiaroma@msn.com a 8 de Outubro de 2009 às 02:34



Moranguitos
visitas
counter
Visitantes

Contador Grátis
pesquisar
 
Últ. comentários
aleleuia
Quero saber a introdução da experiência
Gostaria de pedir autorização para usar a vossa im...
podiam colocar mais algumas assim não dá para tira...
gosto de ler historias para meus alunos mas sempre...
lol
QUE LINDO
Como fizeram o livro????Já está há venda em públic...
Olá Moraguinhos, adorei os vossos porvérvios, me a...
muito obrigada nao copiei todos mas ainda coipiei ...
mais comentados
10 comentários
8 comentários
8 comentários
7 comentários
6 comentários
6 comentários
6 comentários
6 comentários