Blogue da turma B, do quarto ano, da Escola Básica de Santa Luzia, em Guimarães
Quarta-feira, 25 de Janeiro de 2012

A propósito de uma atividade proposta pela professora de Expressão Plástica de elaborar um mocho com um rolo de papel higiénico, estivemos a trabalhar esta simpática ave.

Fizemos um trabalho inicial de pesquisa, que depois discutimos em conjunto, selecionando o que era importante e rejeitando o superfluo.

A partir daqui, em trabalho de brupo, estivemos a fazer diferentes tipos de texto sobre o mocho.

 

 

 

Primeiro, o texto informativo feito pela Maria João, a Gabriela, a Maria e o Pedro.

 

O mocho é uma ave que vive na Europa, Ásia e no Norte de África. Invade os ninhos das outras aves, normalmente em pinhais e florestas.

É uma ave que em média mede entre 40 e 45 cm e pesa de 250 a 350 gramas.

As suas características físicas são: tem olhos grandes e amarelos, tem penugem castanha com manchas brancas, tem bico de falcão e exteriormente não há diferença entre sexos.

São cegos à nascença, têm uma audição muito apurada, um voo silencioso e o mocho-fêmea tem entre 3 a 5 crias, com um período de incubação de 28 dias.

Os mochos são animais noturnos, oportunistas, que comem de tudo, por isso são omnívoros.

Não migram nem hibernam.

Caçam usando a visão e são o símbolo da sabedoria.

São animais solitários e tímidos.

Algumas curiosidades sobre os mochos dizem-nos que, apesar de ser o símbolo da sabedoria, também são sinal de azar. Os nossos antepassados usavam-os como vigilantes das casas.

este magnífico animal está em vias de extinção devido a acidentes rodoviários.

 

 

A Mafalda, a Carolina, a Fátima, o Ruben e a Carolina Nunes ficaram com a tarefa da banda desenhada.

 

Eis a poesia da Beatriz, do Leandro, da Jéssica e da laura.

 

O mocho pequeno

Está para nascer

Com a mãe e o pai a seu lado

Ele vai crescer

 

Estava ele ansioso

Para poder caçar

Mas, primeiro

Tinha que aprender a voar

 

Ele foi para a escola

Para aprender

Saber como caçar

Saber como ler

 

Uma noite

Ao acordar

Viu um menino

Perdido, a chorar

 

De tão amigo que era

Decidiu perguntar

O que se passara

E se podia ajudar

 

O menino sorriu

De tão feliz que estava

Porque viu um mocho

Que com ele falava

 

O mocho ficou feliz

Por ter um amigo

Que andasse

Sempre consigo. 

 

 

                                                                                                                                                                                                 

 

Por fim, o texto narrativo da Sofia, do Bruno, da Joana e do Mário.

 

Era uma vez uma menina chamada Marta. A Marta gostava muito de aves, especialmente de mochos.

Um dia, estava a passear de carro com os pais e atropelaram um mocho.

O pai parou o carro, pegou nele e, de seguida, foram  para casa.

Quando chegaram,  a Marta tentou perceber se ele estava morto e ficou preocupada.

Ao fim de um mês, surpreendeu-se ao ver cinco crias em sua casa.

Logo soube que o mocho era uma fêmea.

A marta cuidou das crias como tinha cuidado da mãe delas.

No dia seguinte, chegou da escola e viu que a mãe das crias não estava em sua casa. Ficou preocupada.

De repente, surge no céu a mãe com comida e surgiu-lhe uma dúvida:

- Quem será o pai das crias?

Marta continuou com essa dúvida durante muitos dias.

Deepois, a mãe das crias foi à floresta buscar comida e consigo trouxe outro mocho, que era o pai das crias.

Uma semana depois, Marta deixou-os ir para o seu habitat natural e prometeu-lhes ir visitá-los muitas vezes. 

publicado por Paula às 19:33

Olá moranguitos

Este trabalho de grupo está muito bonito. Parabéns
Pessoalmente não gosto deste animal.

Beijinhos

Susana
Susana (mãe do Mário) a 26 de Janeiro de 2012 às 09:42



Moranguitos
pesquisar
 
Últ. comentários
Amei a história. Eu estava justamente procurando u...
aleleuia
Quero saber a introdução da experiência
Gostaria de pedir autorização para usar a vossa im...
podiam colocar mais algumas assim não dá para tira...
gosto de ler historias para meus alunos mas sempre...
lol
QUE LINDO
Como fizeram o livro????Já está há venda em públic...
Olá Moraguinhos, adorei os vossos porvérvios, me a...
mais comentados
10 comentários
8 comentários
8 comentários
7 comentários
6 comentários
6 comentários
6 comentários
6 comentários